Há três coisas que devem ser evitadas na vida: inimigos, ódio e bondade.

Procuro evitar os três, mas ainda não existe a fórmula da perfeição. 

Por isso vagueio por aí, entre o bem e o mal.

 

início | petit papillon | reflexões | poemas | stórias | curiosidades

09 de Outubro de 2008

Regressar a São Vicente, a cidade maravilhosa de Mindelo, depois de algum tempo é uma viagem à memória. Relembrar do cheiro a maresia, sentir o calor da areia, deambular pelas cores de Mindelo, olhar e ser observada pelas nossas caras.

 

As caras sim resistem ao tempo, permanecem imponentes, fortes, controladoras da vida na ilha, governadoras dos sonhos, atordoadas pelo sol que impera e não dá descanso, apaixonadas pelos amantes quem sem acanhamento se entregam as suas vistas enamorados, perdidos da vida, encontrados... nos braços do amor!

 

As nossas Caras, sim porque são nossas por direito, guardam a sete chaves os segredos da ilha, de cada um de nós, porque estão lá sempre, resistente à própria erosão. Escrevem as nossas estórias e nós também escrevemos através delas os nossos anseios.

 

As Caras também ouvem os prantos, os risos, as alegrias e as tristezas. As confissões também lhes são depositadas ao pé e aos ventos que as abraçam e as embalam.

 

Regressei a cidade maravilhosa, senti-me observada pelo Monte Cara, pelas Caras de Soncente. Voltei a confessar-me, cinco anos depois... mantem-se a paixão!

 

mais caras aqui...

 

 

vôo de Hildmel às 09:59

Dizem os sábios que a consciência de nós mesmos aguça a consciência do que nos rodeia. Essa simbiose só pode observar-se à distância, por ser grande, como as pirâmides que só percebemos as formas quando as vemos de longe.

Viajar, partir e chegar, pode ser a maior revelação que existe do que se perde quando se vai, mas que não se sentiria da mesma forma se assim não fosse..

Cada vez tenho mais vontade de conhecer São Vicente...

9 de Outubro de 2008 às 10:41

Sábias palavras... da próxima vez já sabes, vens comigo!
9 de Outubro de 2008 às 10:52

Olá!
SonCent invade-nos por todos os poros existentes do nosso Corpo. E quando vamos pela primeira vez ficamos viciados.. e queremos voltar mais vezes, vezes sem conta até ao momento de mudarmos definitivamente para lá. A gente é limpa, puros de coração e de alma e sim, suas Caras dizem-nos como é o seu interior. Conto as semanas (para não dizer meses) para voltar, para regressar a Casa, porque encontrei minha casa ao fim destes anos e como diz o velho ditado: O bom Filho a casa retorna.
Treza, vais adorar SonCent , sab pra fronta ! Hidmel, obrigada por sentir um pouco de SonCent ao ler-te...
9 de Outubro de 2008 às 14:06

Hora de nha terra
Petit Papillon

ver perfil

seguir perfil

8 seguidores
pesquisar
 
vôs antigos
blogs SAPO